Visitantes

contador de acesso grátis

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Reflexão para o ano novo.

1 - Aceite que há dias em que você é o pombo. E outros em que você é estátua.
2 - Mantenha tuas palavras leves e doces pois pode acontecer de você precisar engolir todas elas.
3 - Só leia coisa que façam você se sentir bem e ter a aparência boa de quem está bem, caso você morra durante a leitura.
4 - Dirija com cuidado. Não só os carros apresentam defeitos e tem recall do fabricante.
5 - Se não puder ser gentil, pelo menos tenha a decência de ser vago.
6 - Se você emprestar R$ 20,00 para alguém e nunca mais vir esta pessoa, provavelmente valeu a pena pagar esse preço para se livrar dessa má pessoa.
7 - Pode ser que o único propósito da tua vida seja de servir de exemplo para os outros.
8 - Nunca compre um carro que você não possa empurrar.
9 - Quando você tenta pular obstáculos lembre que está com os dois pés no ar e sem nenhum apoio.
10 - Ninguém se importa se você não consegue dançar bem. Para participar e se divertir no baile, levante e dance.
11 - Uma vez que a minhoca madrugadora é a que é devorada pelo pássaro, durma até mais tarde sempre que puder.
12 - Lembre que é o segundo rato que come o queijo - o primeiro fica preso na ratoeira. Saiba esperar.
13 - Lembre, também, que sempre tem queijo grátis nas ratoeiras.
14 - Quando tudo parece estar vindo na tua direção, provavelmente você está do lado errado da estrada.
15 - Aniversários são bons para você. Quanto mais você tem, mais tempo você vive.
16 - Alguns erros são divertidos demais para serem cometidos só uma vez.
17 - Podemos aprender muito com uma caixa de lápis de cor. Alguns tem pontas aguçadas, alguns tem formas bonitas e alguns são sem graça. Alguns tem nome estranhos e todos são de cores diferentes, mas todos são lápis e precisam viver na mesma caixa.
18 - Não perca tempo odiando alguém, remoendo ofensas e pensando em vingança. Enquanto você faz isso a pessoa está vivendo bem feliz e você é quem se sente mal e tem o gosto amargo na boca.
19 - Quanto mais alta é a montanha mais difícil é a escalada. Poucos conseguem chegar ao topo. mas são eles que admiram a paisagem e fazem as fotos que você admira dizendo "queria ter estado lá".
20 - Uma pessoa realmente feliz é aquela é aquela que segue devagar pela estrada da vida, desfrutando o cenário, parando nos pontos mais interessantes e descobrindo atalhos para lugares maravilhosos que poucos conhecem.

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Minha mensagem de Natal para meus seguidores e Leitores do Blogger.

Gostaria de agradecer a todos que tem seguido meu Blog.
Espero que tenham um Feliz Natal cheio de amor e felicidade.
Que o Bom Velhinho e o Menino Jesus estejam em seus lares abençoando e purificando todos que lá estejam.
Melhor do que todos os presentes por baixo da árvore de natal é a presença de uma família feliz.

Caio Marcio

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Meu desejo de Natal

Desejo que neste Natal, antes de você perceber Jesus nas luzinhas que piscam pela cidade, você O encontre primeiramente em seu coração.
E, à frente de qualquer palavra que expresse seu desejo de um feliz Natal, O encontre em suas ações.
Que você O encontre não só na alegria que sente ao sair das lojas com presentes para as pessoas que você ama, mas também na feição triste da criança abandonada nas ruas, na qual muitas vezes você esbarra apressadamente.
Que você encontre Jesus no momento em que pegar nas mãozinhas delicadas de seu filho, lembrando-se das mãozinhas pedintes, quase sempre sujas de calçada, que só sabem o que significa rudeza.
Que você O encontre no abraço de um amigo, lembrando-se dos tantos que só têm a solidão como companheira.
Que você O encontre na feição do idoso da sua família, lembrando-se daqueles que tanto deram de si a alguém, e hoje são esquecidos até pela sociedade.
Que você O encontre na lembrança suave e sempre viva daquela pessoa querida que já não está mais fisicamente ao seu lado, lembrando-se daqueles que já nem se recordam mais quem foram, enfraquecidos pelo vazio de suas vidas.
Que você encontre Jesus na bênção de sua mesa farta e no aconchego de sua família, lembrando-se daqueles que mal alimentam-se do pão e sequer um lar têm.
Que você O encontre não apenas no presente que troca, mas principalmente na vida que Ele lhe deu como presente.
Que você lembre-se, então, de agradecer por ser uma pessoa privilegiada em meio a um mundo tão contraditório!
Que você também encontre Jesus à meia- noite do dia 31 e sinta o mistério grandioso da vida, que renasce junto com cada ano.
Então festeje... festeje o ano que acabou não apenas como dias que se passaram, e sim como mais um trecho percorrido na estrada da sua vida!
Festeje a alegria que lhe extasiou e a dor que lhe fez crescer!
Festeje pelo bem que foi capaz de fazer e pelo mal que foi capaz de superar!
Festeje o prazer de cada conquista e o aprendizado de cada derrota!
Festeje por estar aqui!
Festeje a esperança no ano que se inicia, no amanhã!
Festeje a vida!
Abra os braços do coração para receber os sonhos e expectativas do ano novo.
Rodopie...jogue fora o medo, sinta a vida!...
Sonhe, busque, espere... ame.
Deixe sua alma voar alto...pegar carona com os fogos coloridos.
Mentalize seus desejos mais íntimos e acredite: eles também chegarão ao céu. Irão se misturar às estrelas, irão penetrar no Universo e voltarão cheios de energia para tornarem-se reais.
Basta você querer de verdade, ter fé e nunca, NUNCA desistir deles!
E que seu ano seja, então, plenificado de bênçãos e realizações.

Feliz Natal e Próspero Ano Novo!!!

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Pense bem. Para não:

Abrir mão de teus sonhos, pois sonhos podem ser a realização no futuro. Lute sempre para que eles aconteçam não importa o tempo nem as dificuldades, corra sempre atrás do melhor para você.
Colocar a tua felicidade nas mãos de alguém, pois sua felicidade nem sempre é compreendida pelo outro.
Passar a vida esperando algo que não aconteça e não dando oportunidade a certos momentos, esperando sempre o amanha. Aprenda a curtir cada instante com o que existe de bom, aqui e agora.
Ser um modelo de perfeição falso onde apenas copia dos outros e acredita ser você mesmo. Primeira mente te aceite como é realmente e assim dê o que pode de coração, pois assim as pessoas vão acreditar e compartilhar coisas boas com você.
Viver com medo e receio que descubram quem você é realmente. Deixe seu personagem de lado e tente te mostrar verdadeiramente, pois assim poderá viver plenamente e feliz sem medo e mais ainda muito feliz.
Como diz o Provérbio Popular: Pense bem no que você vai fazer, e todos os seus planos darão certo.

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Pessoas

Em nossa vida, várias pessoas passam e deixam suas marcas. Marcas estas que levamos para o resto de nossos dias. Algumas boas e outras não tão boas assim, mas que nos fazem crescer.
As pessoas que permanecem são aquelas que mesmo distantes deixaram uma doação muito importante para nossa sobrevivência, o Coração no qual entra em sintonia com nossas almas.
As pessoas que somente passam mesmo sem querer nos deixam um aprendizado muito grande, ou seja, não importa as atitudes que tiveram. Porem com elas aprendemos a nos proteger e crescer.
Algumas pessoas que fazem parte de nosso meio ou que já passaram e eram muito orgulhosas e vaidosas, aprendemos a ser mais humildes. Com as que demonstram carinho e atenção, aprendemos a ser gratos e com aquelas que ainda lutam por um sentimento e são duras de coração, aprendemos a perdoar.
O ser humano somente a Amar se tiver pessoas ao teu redor e não somente as que permanecem também com as que passaram. Pois com as diferenças, aprendemos a ter mais dedicação, mais carinho, mais atração, paixão e desejo.
Porem se alguém diz que aprendemos tudo com estas pessoas que passaram e ainda vão passar por nossa vida, está muito enganada, pois nunca ninguém nos ensinou e nunca aprenderemos a como reagir diante da Saudade que algumas pessoas deixam em nossas vidas.

Como diz Clarice Lispector: “ Saudade é um pouco como fome. Só passa quando se come a presença. Mas às vezes a saudade é tão profunda que a presença é pouco: quer-se absorver a outra pessoa toda. Essa vontade de um ser o outro para uma unificação inteira é um dos sentimentos mais urgentes que se tem na vida.”

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Interior e Exterior


Uma pessoa vestindo uma roupa bonita de marca (exterior), pode chamar a atenção por estar assim, mas não vai estar chamando esta atenção pelo que ela é por dentro (interior);
Uma pessoa bonita de rosto e de corpo (exterior) pode atrair o desejo sexual ou o de se ter algo bonito, como um objeto bonito, mas não o de fascinar o outro pelas suas qualidades interiores causando amor;
Uma pessoa pode lutar muito para ter dinheiro e poder (exterior) ou lutar muito para ser caridosa, ter compaixão, ser verdadeira, justa, digna, paciente, respeitadora, livre e etc. (interior).
O que realiza o ser humano é o que está dentro e não o que está fora:
Chamar a atenção pela sua roupa causa vazio interior, pois você está chamando a atenção pela roupa, não pelo que você é.
Atrair os outros pela beleza física causa vazio interior, pois isso é ser objeto: objeto sexual e objeto de exposição visual.
Ser o que tem dinheiro ou o que tem poder causa vazio interior, pois se dá o valor pelo que se tem e não pelo se que é (ele não se gosta, gosta do dinheiro ou do poder, ou os outros não gostam dele, gostam do dinheiro e do poder).
Uma pessoa que valoriza muito o exterior é fútil, uma pessoa que valoriza muito o interior é profunda.
Uma pessoa verdadeira você sempre a achará bonita, uma pessoa bonita de rosto e de corpo, uma hora enjoa.
Uma pessoa que se vale pelo seu dinheiro, poder, fama e etc. é feia.
Uma que se vale pelas suas qualidades interiores é bonita.

Autor desconhecido.

terça-feira, 29 de novembro de 2011

13 LINHAS PARA VIVER

1. Gosto de você não por quem tu és, mas por quem sou quando estou contigo.

2. Nenhuma pessoa merece tuas lágrimas, e quem as mereça não te farás chorar.

3. Só porque alguém não te ama como você quer, não significa que não te ame com todo teu ser.

4. Um verdadeiro amigo é quem pega tua mão e toca teu coração.

5. A pior forma de sentir saudade de alguém é estar sentado a seu lado e saber que nunca o poderás ter.

6. Nunca deixes de sorrir, nem quando estejas triste porque nunca sabes quem pode se apaixonar por teu sorriso.

7. Podes ser somente uma pessoa para o mundo, mas para alguma pessoa você é o mundo.

8. Não passes o tempo com alguém que não esteja disposto a passá-lo contigo.

9. Quem sabe Deus queira que conheças muita gente equivocada antes que conheças a pessoa adequada, para que quando finalmente a conheças, saibas estar agradecido.

10. Não chores porque já terminou, sorria porque aconteceu.

11. Sempre haverá gente que te machuca, assim que o que tens a fazer é seguir confiando e ser mais cuidadoso em quem confias duas vezes.

12. Transforme-se em uma pessoa melhor e assegure-se de saber quem és antes de conhecer alguém e esperar que essa pessoa saiba quem és.

13. Não te esforçes tanto, as melhores coisas acontecem quando menos as esperas.

"TUDO QUE ACONTECE, ACONTECE POR UMA RAZÃO"

Autor Desconhecido.

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Ser Saudável

Ao pensar na saúde, a vemos com uma percepção holística, ou seja, valorizando o todo que torna uma pessoa saudável ou com pontos a serem curados. A palavra cura, no sentido etmológico, nos remete a cuidado, então este "estar melhor" para a saúde envolve todo um cuidado especial que revela o ser de alguém. Para o filósofo Heidegger, será o sorge (cuidado), que revelará Da-sein (ser-aí) e é este que será o ponto chave para a vida saudável.
Passando pela visão do todo refletiremos com a análise psicológica do ser humano como bio-psico-social, sendo assim, há a relação biológica, que deve ser cuidada quanto aos danos, com ajuda médica, podendo haver medicamentos e todos os parâmetros que a medicina dispõe para que a pessoa possa se sentir melhor; aqui abrimos um parêntese para valorizar mais e melhor a relação médico - paciente.
A psíquica "psique" (alma), que é a relação da pessoa com seu interior contendo traumas e alegrias que podem ser "analisadas" em um divã, ou uma boa conversa amiga e a atenção da pessoa amada pode ser de grande valor no processo de "cicatriazação" das feridas da alma.
Por último, o social, este que esta bem defasado envolvendo a esfera pública e perspectivas em diversos âmbitos, ser saudável socialmente é uma questão de urgência pois a fragmentação que o ser humano vive é algo completamente desumano, então faz-se urgente e necessário melhores condições para que a saúde seja um bem social.
Diante desta breve reflexão, gostaríamos de salientar que o estar saudável é uma questão primordial, mas em diversas fases e ocasiões da vida deixamos de lado o nosso cuidado próprio: má alimentação, aborrecimentos que nos intristecem e enraizam feridas, vida social e afetiva degradante, entre tantos outros... mas fica aí o convite ao leitor para procurar lidar melhor com o corpo, faça yoga, caminhadas num bosque; com a mente, procure boas leituras, descanse, ouça uma boa música; com a sociedade, cuidado para não se tornar mais um na multidão, procure sua individualidade, seja feliz sendo você mesmo, pois a felicidade é isto: "ser feliz sendo aquilo que se é" (Erasmo de Roterdam). E não se esqueçam caros leitores de uma dose de loucura sadia...

                                                        celofilosofo



segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Será que podemos!

Sempre ouvimos dizer que nos podemos mudar o mundo, mas será que podemos! O que fazer então?
Para começar, temos que mudar primeiramente a nos mesmo, pois como vamos mudar o mundo se não conseguimos mudar uma simples vida.
Temos que começar em casa, não desperdiçando água, luz, jogando lixo nos lugares certos, cuidando dos animais e da natureza. Por mais que você não queira, se nascemos no mesmo planeta, compartilhamos com ele os mesmos efeitos e conseqüências de sua exploração.
O grande problema do Seres Humanos é: Não culpe os outros pelos seus problemas, não seja oportunista, não seja vingativo. Quem tem um pouquinho de bom senso percebe que podemos viver em harmonia, respeitando direitos e deveres.
Temos que acreditar em um mundo melhor onde a coragem, sinceridade, esperança, fé e honestidade dependem apenas da nossa honra e caráter.
Porem, não podemos esperar recompensar por estas virtudes, pois elas tem que fazer parte de nossa consciência para poder mudar este processo.
Não tenha medo de errar, com humildade se aprende fazer o bem atrairá o bem para você mesmo e trabalhando valorizarás o suor de teu esforço para alcançar seus objetivos.
Sempre busque a verdade e seja realista perante os obstáculos da vida.
Defenda, participe, integre-se à luta pacífica pela Justiça, Paz e Amor. Um mundo justo é pacífico, pois onde há paz pode-se estar preparado para viver.

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

(Texto de autor desconhecido, achado em 1684, Baltimore, E.U.A.)

Qualquer que seja a religião que a ti tenham ensinado, qualquer que seja o modo como te tenham educado e qualquer que seja a maneira como tenhas compreendido teus mestres, nesses níveis compreenderás assimilarás esta mensagem. Não basta crer nessa mensagem - é preciso vivenciá-la.
A essência da religião universal consiste na paz e na verdade, impregnadas do amor e da bondade para com todas as criaturas da Terra.
O momento é chegado de manifestar essa essência na vida pessoal.
É preciso começares por ti mesmo e tua vida interior.
Queres reformar o mundo? Reforma-te primeiro, meu amigo! A mensagem daquele que não se reformou nunca inspira reforma.
O amor está no cerne de toda religião e a virtude, que é o amor em ação, é a realização cabal da religião. Não ames tão somente a família e os amigos, pois limitar o amor é negá-lo. Busca a paz interior e a divina inspiração, persiste nessas coisas, nem um só instante a ela renuncies. Com tua fé e tuas ações, aperfeiçoas tua vida e ajudas a aperfeiçoar a vida dos outros.
Que responsabilidade! Em ti encontra o espírito seu agente parceiro. Conforme disto estejas consciente, nessa medida serás enriquecido, terás uma revelação mais profunda do que teus sonhos, os mais sublimes. Despontará a nova era em que nos aperceberemos da unidade de tudo.
As diferenças entre as religiões vão desaparecer, aquilo que de bom elas encerram será reunido e se tornará o fim comum da humanidade. Conscientiza-te de que a escolha é tua. Escolhe o amor, de preferência ao ódio; a doçura, de preferência à violência; a santidade, de preferência ao mal. Ousa crer que é chegado o reino do amor e da paz. Estejas preparado, sê virtuoso em toda ação. A virtude abre todas as portas e para além dessas portas encontra-se o amor. Que a divina inspiração se apodere de toda a tua vida,cumulando-a de recompensas, pelas realizações cotidianas, dos tesouros de uma existência consciente e da Luz Eterna do paraíso alcançado!

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

SEJA UM IDIOTA

A idiotice é vital para a felicidade.
Gente chata essa que quer ser séria, profunda e visceral sempre. Putz! A vida já é um caos, por que fazermos dela, ainda por cima, um tratado? Deixe a seriedade para as horas em que ela é inevitável: mortes, separações, dores e afins.
No dia-a-dia, pelo amor de Deus, seja idiota! Ria dos próprios defeitos. E de quem acha defeitos em você. Ignore o que o boçal do seu chefe disse. Pense assim: quem tem que carregar aquela cara feia, todos os dias, inseparavelmente, é ele. Pobre dele.
Milhares de casamentos acabaram-se não pela falta de amor, dinheiro, sexo, sincronia, mas pela ausência de idiotice. Trate seu amor como seu melhor amigo, e pronto.
Quem disse que é bom dividirmos a vida com alguém que tem conselho pra tudo,soluções sensatas, mas não consegue rir quando tropeça? hahahahahahahahaha!...
Alguém que sabe resolver uma crise familiar, mas não tem a menor idéia de como preencher as horas livres de um fim de semana? Quanto tempo faz que você não vai ao cinema?
É bem comum gente que fica perdida quando se acabam os problemas. E daí,o que elas farão se já não têm por que se desesperar?
Desaprenderam a brincar. Eu não quero alguém assim comigo. Você quer? Espero que não.
Tudo que é mais difícil é mais gostoso, mas... a realidade já é dura; piora se for densa.
Dura, densa, e bem ruim. Brincar é legal. Entendeu?
Esqueça o que te falaram sobre ser adulto, tudo aquilo de não brincar com comida, não falar besteira, não ser imaturo, não chorar, não andar descalço,não tomar chuva.
Pule corda!
Adultos podem (e devem) contar piadas, passear no parque, rir alto e lamber a tampa do iogurte.
Ser adulto não é perder os prazeres da vida - e esse é o único "não" realmente aceitável.
Teste a teoria. Uma semaninha, para começar.
Veja e sinta as coisas como se elas fossem o que realmente são: passageiras. Acorde de manhã e decida entre duas coisas: ficar de mau humor e transmitir isso adiante ou sorrir...
Bom mesmo é ter problema na cabeça, sorriso na boca e paz no coração!
Aliás, entregue os problemas nas mãos de Deus e que tal um cafezinho gostoso agora?
A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso cante, chore,dance e viva intensamente antes que a cortina se feche!

Arnaldo Jabor

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

COMO FUNCIONA UM FORMIGUEIRO

"Você talvez não tenha se preocupado em conhecer o funcionamento de um formigueiro, porém poderia aprender muito sobre organização e produtividade se resolvesse investir um tempo para saber mais sobre o assunto.  Assim, caso o tema lhe interesse vale a pena continuar a leitura do artigo.
Vamos a análise: como funciona um formigueiro? Em um formigueiro todas as formigas têm uma função clara e metas estabelecidas. Não é necessário que ninguém fique cobrando resultados e produtividade, porque as formigas estão permanentemente motivadas em relação ao que fazem. Não existem greves,operações tartaruga ou formiga de má vontade.
A base disso é clara, a construção de um ambiente saudável em que se respeita a vocação de cada indivíduo. Gerar, produzir, manter, estocar,proteger e construir. Tudo em prol da rainha (o cliente).
Será que nossas organizações funcionam assim? Estaremos todos felizes com o que fazemos? Os objetivos estão bem claros e são razoáveis? Cada um tem a chance de desenvolver seus talentos? O foco está voltado para o cliente? As lideranças permitem e estimulam a participação e valorizam os resultados?  Existe um espaço para tentativas de inovação ou se reprime o erro?
Em um formigueiro tudo isto funciona muito bem. Inclusive a possibilidade de tentar novas estratégias de alimentação e estocagem de acordo com a região do formigueiro, o alimento disponível e o clima.
Comparativamente com as nossas organizações equivale a dizer que o formigueiro se adapta às condições do mercado, para sobreviver e crescer continuamente.
Temos que transformar nossas organizações em formigueiros eficazes. E o início de tudo está na vontade dos líderes em construir um novo modelo empresarial, onde os talentos são a matéria-prima, capacidade são meios produtivos e fidelidade dos clientes é o resultado final.
Nesta semana, pense, a natureza tem muito a ensinar. Vamos olhar as nossas volta e aprender com tudo e com todos, inclusive as pequeninas formigas."

UMA ORGANIZAÇÃO É FEITA DE PESSOAS, CADA UMA FAZENDO A SUA PARTE .
Se cada uma fizer a sua parte formaremos uma grande equipe.
Hoje, somente uma grande equipe ganha, pois, os objetivos são conhecidos por todos e todos sabem onde chegar.

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Médico

Que dia especial...
Deve ser por isto que sinto a luminosidade maior do sol,
Com certeza é Deus abençoando tão amorosa e digna profissão.
Suas incansáveis horas de dedicação, de carinho, de atenção, a cada um de seus pacientes, que trazem dentro do coração
Seu nome escrito com letras douradas.
Chega a ser difícil conseguir as palavras certas,
Para traduzir o agradecimento que você merece.
Querido (a) doutor (a) que brilho interior emana de ti, sua competência, sabedoria o (a) torna um ser iluminado.
Estou feliz por ser hoje o seu dia,
És como um (a) grande sábio(a),
Possuis a paciência necessária,
Nunca desacreditando no potencial de cada um.
Parabéns pelo seu dia,
As suas vitórias e conquistas são contadas
Pelos sorriso nos rostos daqueles
Que recuperam o prazer da vida,
Através da sua habilidade, intuição,
Deus te mostra benevolente com todos nós.
Que o Senhor o(a) ilumine
 continues sempre com esse exemplo de luta e coragem,
dignos de serem seguidos.
Com certeza é uma simples homenagem
Que faço a alguém tão especial
E merecedor(a) de todo nosso respeito.
Que Deus celestial continue abençoando seus caminhos,
obrigado(a) por tudo!

domingo, 16 de outubro de 2011

O relógio do corpo no horário de verão

Com o horário de verão começando à 0h do dia 16 de outubro, os relógios precisam ser adiantados em uma hora -, muita gente já se preocupa com aquela horinha que vai perder. E a mudança não significa apenas ter menos tempo para aproveitar a noite.
O corpo realmente demora um pouquinho para se adaptar. O relógio interno, acostumado com o dia de 24 horas, estranha quando ele tem apenas 23h.
Isso porque o organismo tem um relógio biológico natural e, com a rotina, se acostuma a acordar naturalmente ou se preparar para dormir em determinado momento do dia. Quando o horário de verão chega, uma hora dessa rotina é "deslocada" e o organismo demora um pouco a perceber.
"O horário de verão mexe com o relógio do nosso organismo - o que chamamos de ritmo circadiano. Com isso, é muito comum o indivíduo ter maior irritabilidade, cansaço e, em alguns casos, até mesmo insônia", explica Roberto Cairalla, diretor clínico do Hospital Sírio-Libanês de Itatiba.
Na verdade, essa "horinha" a menos não acarreta maiores problemas ao corpo. "Em mais ou menos uma semana ele já se adapta. Uma hora é pouco para o corpo sentir alguma diferença que traga grandes danos", esclarece o especialista.
O problema seria maior se a alteração também fosse. Quando isso acontece - o famoso "jet lag", comum em viagens com destinos de fusos diferentes -, o organismo fica "louco" e até os hormônios se alteram.
Infelizmente, não há uma receita ideal para que o corpo possa se adaptar rapidamente com o novo horário. "Ter uma alimentação mais leve ou fazer exercícios físicos com certeza ajudam, mas ainda assim o corpo sofre com as alterações. Não há uma formula mágica", enfatiza Roberto, que também é cardiologista. O jeito mesmo é esperar o corpo se adaptar, sem perder o pique.

sábado, 15 de outubro de 2011

SER PROFESSOR

Ser professor
é professar a fé
e a certeza de que tudo
terá valido a pena
se o aluno sentir-se feliz
pelo que aprendeu com você
e pelo que ele lhe ensinou...
Ser professor é consumir horas e horas
pensando em cada detalhe daquela aula que,
mesmo ocorrendo todos os dias,
a cada dia é única e original...
Ser professor é entrar cansado numa sala de aula e,
diante da reação da turma,
transformar o cansaço numa aventura maravilhosa de ensinar e aprender...
Ser professor é importar-se com o outro numa dimensão de quem cultiva uma planta muito rara que necessita de atenção, amor e cuidado.
Ser professor é ter a capacidade de "sair de cena, sem sair do espetáculo".
Ser professor é apontar caminhos,
mas deixar que o aluno caminhe com seus próprios pés...

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Amor de Adolescente.

A loucura de se apaixonar vem derrepente sem se notar.
A paixão de adolescente cultiva o sonho da inocência se não tem experiência viva por um momento, com coragem.
Amor não é se envolver com a pessoa perfeita, aquela dos nossos sonhos. Não existem príncipes nem princesas. Encare a outra pessoa de forma sincera e real, exaltando suas qualidades, mas sabendo também de seus defeitos.
O amor só é lindo, quando encontramos alguém que nos transforme no melhor que podemos ser.
As vezes é preciso perder para dar valor. É preciso chorar para aprender a amar.
É preciso confiar para se entregar e ainda assim, é preciso ouvir para nunca gritar. Todos irão sofrer um dia, para saber o verdadeiro sentido da felicidade!
Muitas vezes deixamos de lutar pelo que realmente queremos, pelo simples fato de não querer ouvir um não.
Errar é humano, perdoar é precioso, e correr atrás daquilo que realmente queremos é uma obrigação nossa!
Viva, ame, pense, erre e depois do erro corra atrás de refazer o seu acerto, pois nada é para vida toda.
No inicio éramos apenas pessoas unidas. Mas aos poucos, surgiu entre nós um novo sentimento. Sentimento esse que lapidou-se ao longo desses anos! Aprendemos a andar juntos! Dividimos alegrias e tristezas!

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Nossa Senhora Aparecida

Nossa Senhora Aparecida ou Nossa Senhora da Conceição Aparecida, é a Virgem Padroeira católica do Brasil. O seu santuário localiza-se em Aparecida, no estado de São Paulo, e a sua festa é comemorada, anualmente, a 12 de Outubro.
Há duas fontes sobre o achado da imagem, que se encontram no Arquivo da Cúria Metropolitana de Aparecida (anterior a 1743) e no Arquivo Romano da Companhia de Jesus, em Roma.
A sua história tem o seu início em meados de 1717, quando chegou a Guaratinguetá a notícia de que o conde de Assumar, D. Pedro de Almeida e Portugal, governador da então Capitania de São Paulo e Minas de Ouro, iria passar pela povoação a caminho de Vila Rica (atual cidade de Ouro Preto), em Minas Gerais.
Desejosos de obsequiá-lo com o melhor pescado que obtivessem, os pescadores Domingos Garcia, Filipe Pedroso e João Alves lançaram as suas redes no rio Paraíba do Sul. Depois de muitas tentativas infrutíferas, descendo o curso do rio chegaram a Porto Itaguaçu, a 12 de Outubro. já sem esperança, João Alves lançou a sua rede nas águas e apanhou o corpo de uma imagem de Nossa Senhora da Conceição sem a cabeça. Em nova tentativa apanhou a cabeça da imagem. Envolveram o achado em um lenço e, animados pelo acontecido, lançaram novamente as redes com tanto êxito que que obtiveram copiosa pesca.
Durante quinze anos a imagem permaneceu na residência de Felipe Pedroso, onde as pessoas da vizinhança se reuniam para orar. A devoção foi crescendo entre o povo da região e muitas graças foram alcançadas por aqueles que oravam diante da imagem. A fama dos poderes extraordinários de Nossa Senhora foi se espalhando pelas regiões do Brasil. A família construiu um oratório, que logo se mostrou pequeno. Por volta de 1734, o vigário de Guaratinguetá construiu uma capela no alto do morro dos Coqueiros, aberta à visitação pública em 26 de Julho de 1745. Diante do aumento no número de fiéis, em 1834 foi iniciada a construção de uma igreja maior - a atual Basílica Velha.
Em 6 de Novembro de 1888, a Princesa Isabel visitou pela segunda vez à basílica e ofertou à santa uma coroa de ouro cravejada de diamantes e rubis, juntamente com um manto azul. No ano de 1894, chegou a Aparecida um grupo de padres e irmãos da Congregação dos Missionários Redentoristas, para trabalhar no atendimento aos romeiros que acorriam aos pés da imagem para rezar com a Senhora "Aparecida" das águas.
A 8 de Setembro de 1904, a imagem foi coroada, solenemente, por D. José Camargo Barros. No dia 29 de Abril de 1908, a igreja recebeu o título de Basílica Menor. Vinte anos depois, a 17 de Dezembro de 1928, a vila que se formara ao redor da igreja no alto do Morro dos Coqueiros tornou-se Município. E, em 1929, Nossa Senhora foi proclamada Rainha do Brasil e sua Padroeira Oficial, por determinação do Papa Pio XI.

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Amizade


Não é necessário conhecer para Ter um amigo, E sim Ter um amigo para conhecer. A amizade vem do fundo do coração, a amizade não vê cor, não vê beleza e sempre vai estar ali para te ajudar nos momentos de precisão.
Estará Lá para consolar nos momentos de derrotas, e também comemorar com você nos momentos de vitória, a amizade pode ser verdadeira ou pode ser falsa, mais somos nós que as escolhê-mos e também será a gente que a desprezara no Momento que percebemos que ela não é mais conveniente.
Quem foi que disse que a partir de uma amizade não pode surgi um amor, ou então de um amor possa surgi uma amizade, amigo pode ser aquele de colégio, aquele que será seu confidente ou aquele que é o seu melhor amigo, mais todos temos pelo menos um, e também podemos ter mais de um dez, cem mil ou até milhares.
E a cada dia podemos ganhar mais um e também perder. Mais a maior beleza do universo são os amigos eternos.

terça-feira, 27 de setembro de 2011

ORAÇÃO A SÃO COSME, SÃO DAMIÃO E DOUM

Oh! Gloriosos mensageiros de Cristo, São Cosme e São Damião. Santos que no passado derem suas vidas pelo amor de Deus, beneficiando desta forma seu grande companheiro, que fez de seu martírio a sua coroação, com a profissão aberta e leal de sua fé.
Vocês nos ensinam a amar a Deus sobre todas as coisas, e amar nosso próximo como a nós mesmos, professando sempre e sem medo, a Lei de Oxalá. Aprimorando sempre os trabalhos e os milagres para uma população de muitos e muito devotos. Com sua irradiação azul e rosa que se mesclam em uma chama violeta, na chama da vida.
Oh! Bem-aventurados e gloriosos. Através de sua intercessão, que traz a nós esses milagres, essa luz que recai sobre nós vinda do alto, como pétalas de flor trazidas pela brisa da primavera. Nós Vos pedimos por sua ajuda em todas as coisas, todos os dias. Pedimos por sua proteção, que sempre esteja perto de nós, afastando a doença do nosso corpo e de nossa alma. Me protejam sempre, e a minha família, e as pessoas as quais queremos e nos querem o bem, seus humildes devotos. Afastai de nós também, Oh! Gloriosos, todos aqueles que nos desejam o mal ou possam nos atraiçoar.
Que através da vibração celestial, oriunda da vibratória de São Cosme, Damião e Doum, eu possa receber e difundir a alegria, a paz, semear e espalhar a Luz para meu sustento espiritual e de meus irmão e irmãs de jornada. A caridade sempre é caminho para se receber o bem de volta. Nos ajudem São Cosme, São Damião e Doum, a recebermos de volta, ainda nessa vida, ao menos parte dessas nossa boas ações, reconfortando-nos e dessa forma aliviando nosso sofrimento. Que essas energias positivas , que emanam de Deus, possam fortalecer nosso campo de força contra influências negativas e maléficas.
Oh! Grandes protetores, Santos Cosme e Damião e Doum, ajudem-nos com seu amor e nos libertem de todos os males. Com vosso poder e. dos espíritos iluminados das crianças que trabalham no Plano Astral, com o Espírito Santo; a Luz de Oxalá se derrame eternamente sobre nós, servido-nos também de norte, para que andemos sempre no caminho escolhido por Deus.

Que assim seja!

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Apenas Brinque.

Você não precisa de muitos brinquedos caros ou de ultima geração para viver momentos agradáveis. Você precisa encontrar coisas ao redor da sua casa e criar todo um mundo de brincadeiras.
Podemos brincar sozinho, com amigos, com pessoas novas, com seu animal de estimação e com sua família.
Pense em todas as coisas que te divertem: Desenhar, cantar, contar história, pular, correr e muitas outras coisas. Faça novas regras, e ensine a seus amigos.
Às vezes um jogo pode te deixar nervoso pensando o que vai acontecer se eu errar a jogada, não marcar o gol, se chegar em ultimo, etc. Neste momento pense que todos falham um dia, até profissionais falham, mas estão sempre tentando de novo.
Esqueça as falhas, entre no jogo e brinque.
O principal é jogar limpo, sem usar trapaças ou sujeiras. Se outras pessoas jogam sujo ou trapaceiam, isso não quer dizer que você também tem que ser. Acredite sempre em você e jogue sempre conforme as regras.
Sentir-se bem com você mesmo é sempre o melhor sentimento de todos.
Ganhar, perder faz parte. Mas lembre-se sempre haverá um outro dia e um outro jogo.

“Não paramos de brincar porque envelhecemos, envelhecemos porque paramos de brincar.” (Nana, 103 anos)

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

BRINCAR É MUITO BOM

Além de ser bom para você, brincar é muito divertido. Quando você brinca, você se sente vivo e feliz. Você corre, pula, chuta, abaixa e se diverte e ainda por cima ri e fica animado.
A pessoa que brinca, cresce mais forte e saudável. Aprende coisas novas, como por exemplo, novos jogos e como brincar melhor na companhia de outras crianças.
È claro que você não pode brincar o tempo todo, pois tem outras coisas para fazer, como dormir, organizar o quarto ou ir para escola. Mas é bom brincar contando que você faça as tarefas que seus pais e professores solicitam para você.
Quando a pessoa brinca, se torna mais alegre e criativa. Pode criar mundos novos a partir da sua imaginação, assim como Deus criou o mundo em que você vive.
Deus quer que as pessoas sejam felizes. Quando você está rindo e se divertindo com os outros, Deus esta feliz também.
Talvez você goste de brincar em grupo, ou fazer caminhada, ou, ainda, andar de bicicleta. Existem muitas maneiras de brincar. Ninguém precisa ser o maior ou o mais veloz para se divertir.
Todos nos somos especiais em alguma coisa, orgulhe-se de quem você é.
Aquilo que você considera especial e gosta são partes que fazem você ser VOCÊ.

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Brincar ou competir

Antigamente, era normal jogar futebol na rua com os amigos depois da escola e inventar novas brincadeiras. È verdade que nos jogávamos alguns jogos e praticávamos os mesmos jogos que as crianças brincam hoje, mas os costumes mudam a cada geração.
Hoje, as crianças enfrentam uma grande pressão quando começam a praticar esportes. O programa proposto é exigente, as expectativas são altas e o grau de competição pode ser violento. A atenção e o sucesso dispensado a um atleta profissional em nossos dias, alem disso, podem distorcer a imagem que muitas crianças deveriam ter a respeito do verdadeiro lugar que o esporte ocupa na vida e na sociedade.
Alguns pais e treinadores pressionam demais as crianças quando elas começam a praticar esporte, muitos por frustração e outros por querer que seus filhos ou atletas sejam profissionais sem se preocupar com o que a criança pensa. Apenas alguns possuem espírito esportivo.
Além do mais, hoje as crianças vivem no meio de jogos de computador que trazem novas possibilidades criativas, mas também novas preocupações e riscos. Muitos sem a atenção necessária dos pais tanto no que faz no dia a dia ou afetiva.
Jogar é uma das atividades mais prazerosas e naturais do ser humano.
Os esportes e os jogos ajudam as crianças a crescer fortes no corpo e na mente. Eles ensinam as crianças muito sobre a vida, espírito esportivo, trabalho em equipe, cooperação, compartilhamento de vitórias e derrotas, lealdade, honestidade e responsabilidade pessoal.
Temos que mostrar aos nossos filhos, atletas e crianças em geram, que o esporte, jogos e brincadeiras, são atividades saudáveis, renovadoras e revigorantes.
Vamos colocar esta molecada praticando esporte, brincando visando à saúde e se algum deles virar atleta profissional, ótimo. Mas se não virarem, pelo menos vão ter lembranças boas pelo resto da vida e estas poderão fazer a diferença no amanha de cada um. Toda e qualquer aprendizagem é vivenciada, registrada, guardada e memorizada pelo corpo.
Brincar é um espaço privilegiado, proporciona à criança, como sujeito, a oportunidade de viver entre o princípio do prazer e o princípio da realidade. Brincando a criança vai, lentamente, estabelecendo vínculos, brincando com os objetos externos e internos num processo de trocas intensas com a realidade e com a fantasia.

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

O CONTO

O conto, universalmente admirado, versa sobre os mais variados assuntos, de tal forma que, tecnicamente, os contos são classificados por tipo: "Contos Policiais", "Contos de Fadas", "Contos Eróticos", "Ficção", "Contos Infantis", etc.
Conto é a designação que damos à forma narrativa de menor extensão e que se diferencia do romance e da novela não só pelo seu tamanho, mas também por possuir características estruturais próprias.
Possui os mesmos componentes do romance, mas evita análises, complicações do enredo, e o tempo e o espaço são muito bem delimitados. O conto é um só drama, um só conflito, uma única ação. Tudo gira em torno do conflito dramático. A montagem do conto está em volta de uma só idéia, uma imagem ou vida, desprezando-se os acessórios. “O conto é uma narrativa linear, que não se aprofunda no estudo da psicologia das personagens nem nas motivações de suas ações. Ao contrário, procura explicar aquela psicologia e essas motivações pela conduta das próprias personagens” (R. Magalhães Júnior). “O conto é uma narrativa breve; desenrolando um só incidente predominante e um só personagem principal, contém um só assunto cujos detalhes são tão comprimidos e o conjunto do tratamento tão organizado, que produzem uma só impressão”. (J. Berg Esenwein citado por Nádia Battella Gotlib).
Mas será isso mesmo? Ou tais normas são flexíveis? Bernardo Élis, por exemplo, às vezes é muito descritivo; além disso, conta outras histórias dentro do mesmo conto, dividindo-o em mais de um núcleo, usa flashback etc. Outro “pecado” seu é narrar um conto como se fosse um romance (leia-se “O padre e um sujeitinho metido a rabequista” in Veranico de Janeiro). Mesmo “conspirando” contra tais normas, Bernardo Élis não deixa de ser um clássico, muito pelo contrário. “O romance procura representar o mundo como um todo: persegue a espinha dorsal e o conjunto da sociedade. O conto é a representação de uma pequena parte desse conjunto. Mas não de qualquer parte, e sim aquela especial de que se pode tirar algum sentido (alguma lição, se preferir), seja ele positivo ou negativo, não importa.” (“Murmúrios no espelho”, Flávio Aguiar in Contos, Machado de Assis). Parodiando Machado de Assis: o conto é tudo isso, sem ser bem isso.

sábado, 13 de agosto de 2011

Pai ( Dia dos pais )

Pai tantas coisa eu queria te dizer,

Cresci ao teu lado ,e o tempo passou,

e não sobrou tempo e até coragem

para dizer o quanto você é importante,

na minha vida, no meu dia a dia...

Pai, os momentos mais difíceis de

minha vida, você estava lado meu lado.

Nos momentos de alegria,

estava você lá do meu lado.

E hoje nesse seu dia,

entre todos outros dias,

gostaria muito de estar do teu lado...

Palavras não terei para expressar

o quanto amo você, para dizer-te o

quanto és importante

em minha vida inteira..

Continue sempre assim,

pois se você na altura

do campeonato resolver mudar,

certamente não vai dar certo,

pois gosto de você como você É.

Feliz Dia dos País

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

O FIM DO DIA

O fim do dia. As palavras levantam-se calmamente e passam de maneira lenta aos olhos de quem as pronunciara tempos atrás. As atitudes renovam-se e atingem diferentes ângulos entre os pecadores e os atingidos. Os passos tomam ritmo e mostram aos que têm pressa o andar vantajoso de quem não corre atrás do futuro. O cenário muda e novas possibilidades são almejadas.
É no fim do dia que julgamos nossa passagem, já que é nele que se concentram as últimas palavras antes do recomeço e os pensamentos criteriosos antes dos que seguirão.
São nas últimas horas de olhos abertos que podemos modificar todo o rumo do amanhã, que podemos lamentar as horas perdidas e pedir por extras. São nessas últimas horas que encontramos respostas para possíveis indagações, que descobrimos o prazer dos detalhes e a insegurança dos momentos, que mudamos em nós mesmos o que foi mal refletido por outros e que fazemos do próximo dia o melhor dentre os que passamos.
O fim do dia é a possibilidade de pensarmos no restart, e o dia seguinte a possibilidade de transformar idéias em atos concretos.
Somos melhores a cada segundo, fazemos o amanhã esperar mesmo sem pararmos os ponteiros do relógio. Somos frutos imperfeitos do indiscutível e eternos aprendizes das horas marcadas.

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

O abecedário da felicidade.

Abrace alguém hoje. Porém, nada de envolver os braços no outro como se fosse um porco-espinho. Aproveite o gesto para transmitir todo o seu carinho.

Brinque mais. Não se importe com sua idade nem com os comentários das pessoas ao seu redor.

Coma o que gosta e esqueça um pouco a dieta. No fundo, você sabe: não está tão fora de forma assim.

Durma mais um pouquinho. Desligue o despertador sem culpa e aproveite a tranquilidade da manhã.

Elogie as pessoas ao seu lado. É simples, não precisa de prática alguma. Apenas deixe o coração falar.

Faça as pazes com quem já a ofendeu. Acredite, não existe remédio melhor para a sua alma.

Ganhe presentes de si mesma. Lembrancinhas, mesmo bobas, como um simples chocolate, podem mudar seu dia para melhor.

Hoje é hoje. Amanhã… Ocupe-se com o que deve – e precisa – ser feito agora.

Imagine sempre ações boas para a sua vida e deixe de lado os maus pensamentos.

Jogue fora seus ressentimentos e aceite a opinião de outras pessoas.

Levante-se sempre após as quedas. Sustente-se de pé e tenha uma atitude vitoriosa.

Mantenha distância das fofocas. Elas não acrescentam nada à sua vida.

Neutralize o ódio com o amor. Procure o lado positivo dos acontecimentos.

Organize seu armário e sua vida, guardando o que é bom (objetos e sentimentos) e descartando o lixo.

Pare de se fazer de vítima. Você é totalmente responsável pelos seus atos.

Questione sempre e nunca aceite absolutamente nada que vá contra suas verdadeiras convicções.

Ria de si mesma. Não há vergonha nisso. Ao contrário, você vai se divertir e agradar as pessoas.

Sinta a presença de Deus mesmo no silêncio que você não tem feito.

Toque o outro e sinta que a companhia dele pode lhe trazer paz.

Use as coisas em seu dia a dia e não as pessoas.

Vista-se com sua roupa preferida e não com a que lhe apontam como moda.

Xingue a preguiça que tenta lhe dominar com ações positivas em sua vida.

Zangado é aquele outro amiguinho da Branca de Neve. Você é o Feliz!

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Para ter uma boa saúde no inverno


Tosse, gripe, resfriado, febre, também são lembranças desta época do ano, o inverno. Por que isso acontece? É só chegar o frio para começarmos a sentir o nariz congestionado, os espirros, a tosse e até a febre. Na verdade, o inverno exige várias adaptações de nossos hábitos e de nosso organismo para podermos resistir ao frio.
Neste período os vírus e bactérias se proliferam com maior rapidez, ocasionado gripe, alergias respiratórias, pneumonias, otites, resfriados, bronquites, sinusites, asma, entre outras doenças respiratórias. As pessoas pensam que as doenças de inverno são inevitáveis, mas a verdade é que, com alguns cuidados, elas podem ser afastadas, ou, pelo menos, se apresentar de maneira muito mais branda.
Entre as principais vítimas das doenças de inverno, estão os idosos e as crianças, a quem devemos dispensar uma atenção especial. É que, por terem o sistema imunológico mais fraco, elas são ainda mais vulneráveis às doenças e às crises de alergia, que tendem a aumentar muito com a umidade.
Durante o inverno, o frio prejudica o funcionamento dos cílios que são, pêlos microscópicos que recobrem as vias aéreas, tendo a função de retirar a secreção, impedindo a entrada de vírus, bactérias ou poluentes.
O meio mais comum de disseminação das doenças respiratórias é o ar. Fatores como a diminuição da umidade do ar, poluentes que irritam a mucosa do aparelho respiratório e aglomeração de pessoas em ambientes fechados (escola, cinema, locais públicos) permitem uma maior exposição a vírus e bactérias, sendo que nesta época, temos uma diminuição do movimento ciliar, como citado acima.

Existem alguns cuidados a serem tomados durante o inverno.

1) Mantenha os ambientes sempre ventilados e permita a entrada de sol.

O sol e o ar são ótimos espantadores de ácaros, vírus, bactérias e poeira. Ao contrário do que se faz no verão, aproveite os horários de sol para abrir e iluminar a casa.

2) Mantenha a casa sempre limpa

No inverno, ficamos mais tempo em casa. Por isso, ela tem que estar sempre limpa e livre de poeira, principalmente o quarto. Limpe-o diariamente com pano úmido;

3) Remova o pó dos móveis com panos úmidos

O uso de vassoras e espanadores apenas mudam a poeira de lugar, não a remove. E, para pessoas alérgicas, a poeira é veneno, especialmente no inverno. Evite móveis estofados, tapetes, cortinas, tudo que possa acumular poeira no ambiente;

4) Antes de usar roupas e cobertores guardados há muito tempo, lave-os e deixe-os no sol.

Troque as roupas de cama uma vez por semana. Para se livrar da poeira e dos vírus, troque seguidamente os lençóis, fronhas e edredons.

5) Proteja colchões e travesseiros

Forre colchões travesseiros com capa impermeável de plástico. Retire apenas na hora de dormir. Substitua cobertores por edredons. Além de serem mais leves, os edredons têm a vantagem de juntar menos poeira e de não soltarem pêlos.

6) Cachorros e gatos devem ficar do lado de fora

Animais de estimação costumam soltar pêlos que irritam as vias respiratórias, agravando o problema. Por isso, devem ficar do lado de fora de casa.

7) Substitua, dentro do possível, as roupas de lã por moletom ou couro

A lã tende a acumular mais poeira, o que pode causar alergias. Além disso, os próprios fios da lã podem irritar as vias respiratórias.

8) Fique longe dos bichos de pelúcia, tapetes grossos e carpetes

Acumuladores típicos de poeira, devem ser deixados de lado durante o inverno, ou lavados com mais freqüência.

9) Evite ficar muito tempo em ambientes fechados

A proliferação de vírus é maior em ambientes em que todos respiram o mesmo ar. Se você não tiver como escapar, peça para as pessoas não fumarem, ligue ventiladores e, sempre que possível, abra um pouco as janelas.

10) Agasalhe-se bem

Para manter a temperatura, o corpo gasta energia, e, com isso, fica com as defesas debilitadas. Por isso, quanto mais quente você puder ficar, melhor.

11) Banho

Tome banho nas horas quentes do dia. A temperatura da água deve ser moderada evitando o choque térmico.Prefira vestir-se no próprio banheiro.

segunda-feira, 11 de julho de 2011

CÂNCER DE MAMA

Um elegante homem de meia-idade entrou calmamente em um café e sentou-se. Antes de fazer seu pedido, ele pode perceber que um grupo de rapazes, sentados em uma mesa próxima, estavam rindo-se dele. Ele logo deduziu que o motivo era uma pequena faixa rosa na lapela de seu fato.
Muito incomodado com a situação, ele mostrou a faixa aos rapazes e perguntou:
- É isto?
Todos riram. Um deles disse:
- Desculpe-me, mas nós estávamos apenas comentando como esta pequena faixa fica bonita no seu terno azul.
O homem, então, tranquilamente, convidou-o para sentar-se com ele.
O rapaz, apesar de constrangido, concordou.
Educadamente, o homem explicou-lhe que estava usando a faixa para alertar as pessoas sobre o cancro da mama. E concluíu:
- Eu uso isto em honra da minha mãe.
O dialogo prosseguiu:
- Oh, lamento amigo. Ela morreu de cancro nos seios?
- Não. Ela está viva e passa bem. Entretanto, seus seios alimentaram-me na infância, e confortaram-me quando estava assustado,ou sentia-me solitário. Eu sou muito grato pelos seios de minha mãe e por sua saúde.
- Humm - retruquiu o rapaz - sei...
- E eu uso esta faixa em honra de minha esposa também.
- E ela também está ok?
- Oh, sim. Ela esta ótima. Seus seios tem sido uma grande fonte de amor e prazer para nós dois; E com eles, ela nutriu e alimentou a nossa linda filha há 23 anos. Eu sou agradecido pelos seus seios e por sua saúde também.
- Humm. E eu suponho que você use isto em honra de sua filha também?
- Nao. É muito tarde para honrar a minha filha, usando isto agora. Minha filha morreu de cancro nos seios há um mês. Ela pensou que ela era muito jovem para ter esta doença, e quando, acidentalmente, notou um pequeno inchaco nos seios, ela ignorou-o. Ela pensou que estava tudo bem, uma vez que não sentia dores; e que não havia motivos para preocupar-se.
Chocado e envergonhado, o soberbo rapaz disse:
- Oh, eu lamento muito.
- Então, em memória de minha filha, eu, orgulhosamente, também uso esta pequena faixa rosa. Através dela, tenho tido oportunidades de elucidar as pessoas.
Agora, vá para casa e converse com sua esposa e suas filhas, sua mãe e seus amigos.
E o homem, então, deu ao rapaz uma faixa para que ele também a usasse.
O rapaz ergueu a cabeca, vagarosamente, e pediu:
- Você me ajuda a colocá-la?
Este é o mês da conscientização do cancro da mama. Faça auto-exames regularmente e anualmente mamografias se você é uma mulher acima dos 40 anos. E encoraje as mulheres que você ama a fazerem o mesmo.

segunda-feira, 4 de julho de 2011

O amor morre!?

Que todo dia morre alguém, isso não é novidade para ninguém. Mas e o amor, esse também morre todo dia. A morte do amor é lenta e gradativa.
O amor quando esta preste a terminar, fica igual a novela mexicana, cheia de melodramas e baixarias.
A morte do amor é as vezes cruel, pois morre antes de dormir, sem mãos dadas, sem olhares compreensivos, com gosto de lágrima nos lábios. O amor quando esta morrendo, nos dá uma sensação de fracasso.
Porque, por mais que não queiramos aprender, a vida sempre nos ensina alguma coisa.
Todos os dias um amor é assassinado. Com a adaga do tédio, a cicuta da indiferença, a forca do escárnio, a metralhadora da traição.
Na nossa vida, várias vezes morremos por amor, mas com o tempo voltamos a amar novamente e morremos e assim a vida vai tomando um rumo.
Há aqueles que negam, veementemente, participação no crime e buscam por novas vítimas em salas de chat ou pistas de danceteria, sem dor ou remorso.
O amor é todo dia, um pouco de perda de um lado e do outro, mas amor de verdade tem que ter sofrimento e alegrias, pois a união dos dois se transforma em amor verdadeiro sem pressão e com muita compreensão.
Para quem não acredita em amor verdadeiro e a primeira vista.

Ai vai uma maneira de conseguir um amorzinho.

Escreva o nome da pessoa amada em um papel branco a lápis. Em seguida, coloque o papel no fundo de um pires amarelo. Então, pegue três rosas amarelas e cubra o papel com 21 pétalas de cada rosa, totalizando 63 pétalas. Depois, cubra tudo com mel. Acenda uma vela amarela ao lado, e deixe-a queimar até o fim. Mantenha o pires com o papel, as pétalas e o mel por 21 dias. No 22º dia, tire 7 pétalas do pires e coloque em um livro da pessoa amada. Esse ritual deve ser feito no primeiro dia de Lua Cheia.

Deu certo, acho que não rsrsrsrsrsrsrs, pois o amor verdadeiro não se compra e conquista por simpatias e sim com o dia a dia.

Como diz o Rei Roberto Carlos:

E a emoção do nosso amor

Não dá pra ser contida

A força desse amor

Não dá pra ser medida

Amar como eu te amo

Só uma vez na vida



terça-feira, 28 de junho de 2011

O Sábio e o Pássaro

Era uma vez, num determinado reino vivia um velho sábio. Ele era o mais sábio dos sábios e nenhuma questão que lhe fosse levada ficava sem solução. Ele sabia tudo de tudo. Existia nesse reino um rapaz que não se conformava com isso.
Ele não aceitava o fato do sábio conseguir decifrar qualquer enigma, fosse ele qual fosse. Durante muito tempo o plebleu ficou arquitetando uma forma de pregar uma peça no sábio.

" Tem que existir uma forma de enganar o sábio. Ninguém sabe tudo de tudo " pensava ele.

Até que um dia ele descobriu uma forma, a qual nem mesmo o mais sábio dos sábios teria saída.

"Colocarei em minhas mãos, levemente fechadas, um pequeno pássaro vivo e perguntarei ao sábio se o pássaro está vivo ou morto.

Se ele responder que está morto, eu abrirei as mãos e o libertarei para o vôo. Se ele responder que está vivo, eu o apertarei com os dedos e o matarei.
O sábio não terá saída.
Assim fez.
Diante do sábio ele procedeu como acima exposto, perguntando se o pássaro estava vivo ou morto.
O sábio olhou bem nos olhos do rapaz e respondeu:

"Meu bom homem, a vida desse pásssaro está em suas mãos ".

Muitas vezes, por diversas formas, a vida de outro ser está em nossas mãos. Cabe a nós a responsabilidade de escolher entre matá-lo ou salvá-lo.

Autor Desconhecido.

terça-feira, 21 de junho de 2011

O inverno.

O tempo está fresco e por vezes cinzento, é o Inverno. Por esta altura a natureza muda de figura.
Das quatro estações, talvez o Inverno seja a mais cantada e falada em versos e prosas… Há algo de romântico, afrodisíaco solto no ar… Ficar quietinhos, bem juntinhos, se possível próximo a uma lareira, é tudo que um casal apaixonado quer… No inverno, apagamos as luzes, usamos candelabros e namoramos mais…
Com dias mais curtos, noites mais longas, o inverno, por ser a estação mais fria do ano, faz com que nesse período a natureza revista-se de um novo cenário. Um cenário próprio para a semeadura.
E ali, procuraremos, como semeadores das palavras que somos, escolher os melhores grãos para serem cultivados por almas, por corações sedentos por uma palavra de conforto, de amor. É a época de pensar em nossos objetivos para o novo ciclo a ser apresentado.
Um cenário completamente mágico, como um convite para sonhar, para vivenciar o amor em toda sua plenitude. Com luzes nos mais variados tons, produzidas pelo Sol, em nuances especiais para estimular o poeta a escrever poesias belíssimas aos seus leitores.
Realmente há um quê de encanto e magia com a chegada do frio… E em todo inverno acontece sempre a mesma coisa… Principalmente quando ele resolve aparecer de verdade. Quando a onda de frio chega, afugenta as pessoas das ruas, e o gostoso é poder curtir a casa, o sofá, a cama…, com ou sem companhia. Programas noturnos, como idas a bares ou restaurantes, só se forem muito importantes ou compromissos pra lá de assumidos. Cinema, teatro torna-se mais interessante e aconchegante, mas apenas se a companhia e o tema forem muito mais…
O céu fica mais lindo, mais azul. Porém existe uma neblina fria pela manhã, antes do sol sair. Seus crepúsculos róseos se tornam um convite para construção de rimas, versos livres, liberando emoções.
Quando os raios do sol diminuem sua intensidade ao cair da tarde é o momento de nos prepararmos para mais um dia.
É o momento de se ter fé e esperança. E é ai que a poesia entra com sua força total. Como ânimo, como acalanto, como um tônico revigorante nos proporcionando a força, o estopim necessário para reacender os sentimentos adormecidos que se encontram dentro de nós.
                                                                                        Autor Desconhecido

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Se não tiver solução, seja um gordinho feliz.

Hoje em dia muitos são os problemas para quem tem excesso de peso e como eu e muitos outros temos dificuldade para perder peso.
Dois são os principais problemas: dificuldade de emagrecer e facilidade de engordar.
Acho que temos em nosso organismo um gene de urso polar, ou seja, nosso organismo acha que vamos hibernar e guarda que consumimos para sobreviver ao inverno, mas ele esquece que não hibernamos e por isso engordamos cada vez mais.
Nos que temos o problema de engordar fácil, devemos ter também problemas oftalmológicos, pois basta olhar uma lasanha, uma picanha que nossa visão até parece a do super-homem.
Ultimamente minha vida é como sanfona, engordei, emagreci, engordei, emagreci, como qualquer sanfona histérica. O caso é que nesse engorda-emagrecer engorda-emagrece, eu parei por último no engorda. O problema é que passar a vida inteira preocupada com o peso é um porre. E a pior parte é ouvir as mesmas soluções e receitas de dieta que você não vai fazer.
Acho que já é hora de deixarmos de ser hipócritas, tudo depende de nós mesmo, as pessoas que falam muito, não fazem nada. Temos que mudar nossos hábitos e correr atrás, ou melhor, na frente e esquecer os problemas e preguiça.
Primeiro, achamos que é somente a parte da entrada, a ingestão de comida que é programada para deixar você obeso e infeliz, mas não ligamos em como vamos gastar esta ingestão de calorias.
O pior é a seqüência de quando vai se pesar para ver se conseguiu emagrecer algumas gramas: Primeiro você tira a roupa, o sapato, a meia e sobe na balança. Não acredita naqueles quilos todos. Aí você faz xixi, escova os dentes, corta as unhas, pra se livrar de mais alguns gramas e sobe na balança de novo. Nada. O ponteiro já está rindo da sua cara e não sai do lugar. Você resolve botar mais coisas pra fora. Chora, corta o cabelo, tira a sobrancelha, depila as pernas, arranca uma obturação. Nada. Dá vontade de pular da janela, mas morrer gordo e pelado é o pior vexame. Melhor ficar vivo com uma roupinha larga. Mas, dizem que enquanto há vida há ex-pelancas e para tudo há uma solução. É só você fazer reeducação alimentar.
Agora sem brincadeiras, temos que sair pra caminhar. Sabe fazer exercícios queima calorias, emagrece ou pelo menos, desengorda!
Vamos dar um rumo em nossas vidas e pelo menos tentar mais uma vez, fazer dieta e exercício físico, pois a vida é muito boa e tenho certeza que vamos viver ainda por muito tempo.

Se não tem jeito, então, não tem jeito. A solução é viver satisfeito!

segunda-feira, 13 de junho de 2011

SIMPATIAS DE SANTO ANTONIO

• PARA ARRUMAR UM(A) NAMORADO(A)

Logo na manhã do Dia dos Namorados, véspera de Santo Antonio, compre um metro de fita azul de qualquer largura e escreva nela o nome completo da pessoa amada. À noite, conte 7 estrelas no céu, sem apontar , e faça um pedido ao santo para que ele ajude você a conquistar o coração dessa pessoa. No dia seguinte, amarre a fita nos pés da imagem de Santo Antonio e deixe lá, até conseguir arranjar uma pessoa para namorar.

• PARA QUE O SEU AMOR VOLTE

Compre um pedaço de papel vermelho, escreva nele o nome da pessoa que você ama e quer que volte. Pegue uma foto dela e a cole no papel. Num vaso transparente, coloque meio litro de água benta e sete botões de rosa vermelha. Vá até uma igreja que tenha a imagem de Santo Antônio, coloque o vaso no altar. Em sua casa, acenda sete velas brancas, juntamente com a fita vermelha de papel com a foto, ofertando-as ao santo e pedindo pela volta do seu amor.

• PARA NUNCA PERDER A PESSOA AMADA

Quem ama deseja prender a pessoa amada na prisão de seus braços e subjugá-la com seu amor, impedindo-a de se afastar de si para sempre. Essa possessividade, característica da paixão, independente de sexo, idade ou qualquer outro fator, podendo se manifestar indiscriminadamente. Basta amar para querer prender. Se você se sente assim e quer se assegurar de que a pessoa amada não vai deixá-la(o) por outra, faça a seguinte simpatia: Pegue fotografias sua e da pessoa amada, de corpo inteiro, passe cola nas faces das duas e coloque-as uma de frente para a outra, enrolando um retrós de linha vermelha, em cruz, até o final. Cole-as, em seguida, no verso do quadro com a imagem de Santo Antônio, colocando-o na parede do seu quarto, acima da cabeceira de sua cama.

Toma manhã, quando se levantar, e à noite, quando for se deitar, olhe para os olhos do Santo e mentalize seu amor e você, unidos para sempre pela influência de Santo Antônio.

PARA SABER SE IRÁ SE CASAR

Essa é uma curiosidade de toda mulher que atinge a idade de se preocupar com relacionamentos, amor e paixão. Saber se vai se casar logo ou não é uma expectativa muito interessante. Se você tem essa curiosidade, faça a seguinte simpatia, uma das mais tradicionais para o assunto.

Na véspera do dia de Santo Antônio, compre um copo branco e, à meia noite, coloque água. Quebre um ovo galado dentro do copo, com cuidado, para não arrebentar a gema. Deixe no sereno por toda noite. No outro dia, antes do sol nascer, pegue o copo e observe. Se estiver coberto por uma névoa branca você se casara antes do dia de Santo Antônio do próximo ano.

• PARA SER PEDIDA EM CASAMENTO

Pegue uma fita vermelha e use-a no sutiã, entre os seios, por sete dias. Após esse prazo, coloque-a dentro de um envelope, lacre-o e coloque-o no altar de Santo Antônio. Reze ao santo pedindo que realize seu desejo, depois acenda uma vela de sete dias.

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Cada um faz sua história.

Viver é muito bom, saber viver é ainda melhor. A vida é simples, desde que saibamos viver.
O que podemos esperar da vida, isso cada um é que sabe, mas tudo na vida se resume em histórias.
Cada pessoa tem sua historia escrita de acordo com suas ações podem elas ser vividas, sentidas, contadas e até de arrependimento.
As histórias de cada um podem ser guardadas, ditas como passado e que vão ser esquecidas e até ser perdida no tempo.
Algumas pessoas compartilham com quem quer ouvir ou até mesmo riem de cada momento que passou, outras tentam esquecer ou até mesmo reescrever.
Quando eu lembro das minhas histórias, às vezes escondendo o rosto vermelho de vergonha, às vezes feliz pelo que aconteceu, às vezes com vontade de gritar "meeeeeu deus, como eu era (mais) idiota" - eu sorrio.
Por isso desde pequeno guardo meus contos, escrevo e reescrevo minhas histórias e sempre me lembro que tudo pode ser melhor.
Nem sempre acerto ou erro, posso mudar tudo ou porcaria nenhuma, mas sempre eu quero mais quero mais, muito mais. E que sejam surreais, inusitadas, sinceras e diferentes de tudo o que eu conheço. Porque o que eu quero, realmente não é pouco.
Que quero deixar uma linda história e sei que todos meus amigos e familiares estarão nela.
Vamos viver, vamos fazer nossa historia e se possível compartilhar, pois a partilha faz parte de nossas vidas.

Para terminar deixo esta frase para refletir: Tenho pensamentos que, se pudesse revelá-los e fazê-los viver, acrescentariam nova luminosidade às estrelas, nova beleza ao mundo e maior amor ao coração dos homens. Fernando Pessoa

terça-feira, 31 de maio de 2011

Será que eu sou Careta.

Eu penso que falar de Amor esta fora de moda, mas será que se for aquele amor olhos nos olhos, realmente sincero, onde ao ver a pessoa amada, sente-se aquele friozinho no coração e um medo terrível de em alguns segundos perder tudo é tão brega assim, acho que não, pois somente quem já sentiu isso sabe como é bom.
Saindo então do amor, será que falar de Fidelidade também esta fora de moda.
Hoje em dia a palavra fidelidade é muito pouco utilizada no verdadeiro sentido, ou seja, respeito mútuo, a sensação de ter no parceiro ou parceira a soma de tudo que procuramos em alguém, a admiração pelas virtudes e respeito pelos defeitos e ainda mais o respeito pela individualidade que cada um tem o direito de possuir.
Palavras pesadas para carregar sem ter certeza, Amor, Fidelidade e então será brega falara de Amizade. Falar para uma pessoa meu amigo ou eu tenho por você uma amizade tremenda não pode ser de boca para fora, pois amigos se querem bem, apóiam um ao outro, se interessam por tudo que o amigo fala, mesmo que para ele não tenha tanta importância, ser amigo também é ter solidariedade de um pelas coisas dos outros e vice-versa.
Se estas palavras são pesadas, então será que falar de Família, também esta fora de moda.
Família que hoje vive momentos de agressão, divisão constante e a beira da falência, desta eu não quero falar.
Temos que falar da família: Pai, Mãe, Irmãos, Irmãs, Filhos, Lar, etc.
Esta família tem que ser o bem maior, pois somos unidos pelo laço sanguíneo e protegidos pelas bênçãos divinas. Nela renovamos nossas energias e temos o aconchego necessário.
Família reúne até agora tudo que falei Amor, Fidelidade, Amizade e muito mais.
Mas todas as palavras mencionadas, não seria nada sem a Felicidade. Alguns dizem que a felicidade esta fora de moda, dando lugar ao modismo da civilização, mas mesmo assim, torço para que nossas vidas sejam repletas dessas questões tão fora de moda, pois elas fazem toda a diferença no nosso dia a dia.
Amor, Amizade, Fidelidade, Família se para ter tudo isso hoje em dia é fora de moda.

Eu tenho o orgulho de dizer eu sou “CARETA.”

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Reencontro

Deus,
Passei tanto tempo Te procurando,
Não sabia onde estavas.
Olhava para o infinito, não Te via
E pensava comigo mesmo,
Será que Tu existes?
Não me contentava na busca e prosseguia.
Tentava Te encontrar nas religiões e nos templos.
Tu não estavas.
Te busquei através dos sacerdotes e pastores,
E não Te encontrei.
Senti-me só, vazio, desesperado e descri.
Na descrença Te ofendi,
Na ofensa tropecei,
No tropeço caí.
Na queda senti-me fraco,
Na fraqueza pedi socorro,
No socorro encontrei amigos,
Nos amigos encontrei carinho,
No carinho vi nascer o amor,
Com amor vi nascer o amor,
Com amor vi um mundo novo,
No mundo novo resolvi viver.
O que recebi doar,
Doando alguma coisa, recebi e recebendo me senti feliz,
E feliz encontrei a paz.
E com a paz foi que enxerguei
Que dentro de mim é que estavas
E sem Te procurar
Foi que te encontrei.

"No meio da viagem, um poema de Adélio Neves é uma luz do caminho"

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Estarei sempre a teu lado.

Amigos e sempre bom falar de vocês e para vocês.

Eu sou apenas um no meio de vários amigos, mas faria o máximo para resolver vossos problemas, dúvidas ou medos, mas posso ouvir você e juntos procurar soluções.
Se você estiver magoado, farei o possível para te ajudar. Dizer que vou acabar com suas dores e impossível, mas posso te ajudar a pensar no futuro e principalmente no presente onde poderei estar ao seu lado para apóiá-lo.
Tombos você sempre vai levar, mas eu posso sempre que isto acontecer lhe oferecer minha mão para você agarrar e se levantar.
O que você faz na vida, como sucessos, felicidades e triunfos, não me pertencem, mas seu sorriso e risos fazem parte dos meus maiores bens.
Decisões são pertinentes a nos mesmo e não me cabe julgar, mas se precisar me procure que eu poderei te encorajar e apoiar.
A vida nos impõe limites, mas se precisar posso lhe apontar formas e meios para você crescer e lhe mostrar caminhos alternativos para chegar lá.
O dia que você passar por privações, seu coração estiver partido pela dor, tristeza ou perda de algo, salvar você deste sofrimento eu não posso, mas posso chorar com você e tentar de todas as maneiras e forças, juntar os pedaços.
Eu não tenho o poder de mudar nada em você, dizendo como tem que ser sua vida, mas saiba que tenho livre arbítrio e poder de amá-lo e de ser seu amigo.

Um verdadeiro amigo é alguém que te conhece tal como és, compreende onde tens estado, acompanha-te em teus lucros e teus fracassos, celebra tuas alegrias, compartilha tua dor e jamais te julga por teus erros.

terça-feira, 17 de maio de 2011

Conte Comigo ( Allan Kardec )

Conte comigo, mesmo sem contar a mim tanta coisa que lhe pesa no coração, que lhe amargura e resseca o fundo d'alma.
Conte, nas horas mais abandonadas da vida, quando o olhar, vagando em derredor, só divisar deserto.
Conte comigo, mesmo sem vontade de contar com ninguém ou certo de que não vale a pena contar com mais ninguém, nesta vida.
Conte comigo, devagarinho, deixando que a boa vontade vá dizendo, sem nada forçar, à medida em que acreditar.
Conte, durante as agonias, que, de um tempo para cá, não deixam em paz seu cansado coração, pois o bom da vida consiste em encontrar um amigo.
Conte, nas horas inesperadas, quando as tempestades despregam repentinas e tombam por cima da sua cabeça triste.
Conte comigo, para re-aprender a cantar, durante a vida, e a viver de serenas e pequeninas felicidades.
Conte comigo, para eu ajudá-lo a ter rosto bom e quieto, ao menos na presença dos filhinhos menores, que vivem dos rostos abertos.
Conte, para auxiliá-lo no amargo carregamento da cruz.
Conte comigo, para ficar sabendo, de experiência, que há na vida muita coisa linda, coisa escondida, prêmio de quem se venceu na dor.
Conte, para triunfar, no ritmo vagaroso do dever, na cadência da paz diária, aprendendo a teimar com as teimas da vida madrasta.
Conte, que são largos os caminhos da vida, esperando os passos duplos de dois amigos que vão, na direção da conversa.
Conte comigo, para saber olhar ao alto, buscando a face de um Pai.
Conte, mesmo para não se entregar aos desânimos e desencantos, de quem anda cheia da vida, do começo ao fim.
Conte comigo, que venceremos juntos, anjo da guarda com seu pupilo.
Conte, que a vida tem ser bela, criando nós as belezas, de dentro para fora, obrigação do coração, missão da Fé.
Conte comigo, conte sempre, teimando com você mesmo, que não quer saber de mais nada, ofendido que foi, descrente que anda.
Conte quando, olhando para a frente, não sente vontade de andar; olhando para trás, tem medo do caminho que andou.
Conte comigo, para que tenha valor e beleza cada passo seu, cada dia da vida, cada hora dentro de cada dia.
Conte, conte mesmo, sabendo que Deus me deu a missão de fazer companhia aos desacompanhados corações dos homens.

Allan Kardec

terça-feira, 10 de maio de 2011

A CRESCENTE ONDA DE VIOLÊNCIA INFANTO-JUVENIL

Izabel Sadalla Grispino *


Como pode a escola, nessa linha, exercer seu papel de coadjuvante da transformação social? Sabemos que escola e sociedade se integram, se interagem. São interfaces que se refletem, que se completam: uma recebe o produto da outra. O projeto pedagógico da escola deve contemplar a realidade vivida pelo aluno, seu cotidiano; contemplar o contexto socioeconômico-cultural, no qual se insere. A contextualização é matéria-prima do currículo. A análise reflexiva do comportamento social é vital para a performance da escola. Os alunos que a freqüentam saem da sociedade, é dela parte integrante. De que características se reveste a sociedade de hoje?
No cotidiano social vivenciamos a violência, a fome, a corrupção, o desemprego, tudo banalizado pela alta freqüência. Estamos nos tornando uma comunidade anestesiada pela repetida violência, que vai minando o organismo social. Presenciamos uma juventude desajustada, psicologicamente envelhecida, renunciando, no uso da droga, a própria capacidade de sonhar. O número de delinqüência juvenil vem aumentando em progressão geométrica. A miséria moral é a mola crescente desse pejo social.
As causas da violência, apontadas por especialistas, ajudam no entendimento e na colaboração que cada instituição – família, escola, igreja, justiça, polícia... – pode dar. Pesquisas realizadas nessa área mostram várias causas, todas girando em torno da família. A ênfase é dada à desestruturação da família. A destruição do casamento vem trazendo uma amarga fatura. A ruptura familiar produz na criança, no jovem, o “rasgão afetivo”, responsável por um desajuste precoce. É como se diz: “A pobreza material castiga o corpo, mas a carência afetiva corrói a alma”. A ausência de vínculos afetivos gera introspecção, frieza, revolta. Sem carinho, a criança cresce sem referenciais.
Quem não aprendeu amor em casa, dificilmente levará amor para a rua. O numero de casas sem pais vem crescendo assustadoramente. Pais ausentes, filhos delinqüentes. Pais fora de casa, filhos entregues à “babá eletrônica”, com suas nefastas conseqüências.
Família sadia é ainda a melhor receita para uma sociedade sadia. Família que reza unida, permanece unida, nos ensina a Bíblia Sagrada. Coelho Neto já nos dizia: “A família é a célula-mater da sociedade” e a sabedoria popular nos adverte: “Colheremos o amargo fruto que a nossa omissão ajudar a semear”.
O resgate da juventude passa, sem dúvida, pela recuperação da família. O jovem precisa buscar sentido na família.
Preconiza-se, como medida salvadora, a volta da família nos moldes tradicionais, fortificando-se os laços familiares. Não adianta o brilho do intelecto se não houver o brilho de sentimento.
Violência e droga são aspectos afins, ambas se prendendo à crise familiar. Uma pesquisa do Ibope, realizada em fins do ano passado, em cinco capitais brasileiras, concluiu que os conflitos familiares, o declínio da família, são a principal causa da entrada dos jovens no mundo da droga. De cada 100 adolescentes entrevistados, 35 alegaram que se drogavam para fugir dos problemas familiares. O segundo motivo, a necessidade de ser aceito pelo grupo, vem bem atrás, 15% dos jovens visitados. Um estudo do Centro Brasileiro de Informação sobre Drogas (Cebrid), em setembro de 1999, mostrou que 26% dos jovens brasileiros usaram algum tipo de droga, legal ou não. Hoje, esse número, estima-se ser maior. Nas famílias problemáticas, esse índice era bastante superior.
Uma segunda causa apontada pra o crescimento da violência infanto-juvenil são os jogos eletrônicos. Uma pesquisa realizada, durante 5 anos, pela psicóloga Paula Gomide, professora do Departamento de Psicologia da Universidade Federal do Paraná, com 500 crianças e adolescentes, relata: “Cumulativamente, os efeitos da exposição contínua à violência podem causar sérios danos psicológicos”. Especialistas endossam essa afirmativa, demonstrando forte conexão entre a violência transmitida via entretenimento e sua dramática transposição para a vida real. Um dos videogames de maior sucesso, o Carmageddon, revelou-se um autêntico laboratório de crime e perversão. Um garoto de 12 anos assim se manifestou: “Eu acho dez o Carmageddon. É engraçado ver todo mundo se despedaçando. Eu adoraria poder jogar o carro em cima dos pedestres, principalmente idosos. É legal ver o velhinho sair correndo e a gente atrás”. É uma apologia ao comportamento destrutivo, indiferente ao sofrimento humano, antes, estimulador.
Essa precoce carga de perversidade pode estar na origem de comportamentos patológicos, excessivamente agressivos. No próximo artigo, continuaremos abordando o assunto, refletindo sobre novas causas da violência.

quinta-feira, 5 de maio de 2011

A garota que se chamava Juaninha.

Um certo dia, conheci uma garota. Seu nome, ela não me disse, pois não gostava dele. Então, resolvi colocar um apelido nela: Juaninha. E isso porque ela não se fixava em lugar nenhum.
Sua história é meio complicada. Há muito, uma prostituta teve uma filha. Como não tinha condição de criar a criança, a mulher a deixou na porta de uma mansão. Junto à criança, ela deixou um bilhete que dizia o seguinte: “Peço que crie minha filha, pois não tenho condição de criá-la, porque sou uma mulher da vida. Cuide dela com todo carinho e não diga nunca para ela quem foi sua mãe”.
Quando a dona da casa abriu a porta, se deu de frente com aquela doce e meiga garotinha. Ficou meio sem saber o que fazer, mas logo a pegou e a levou para dentro de casa. Ao pegá-la do berço viu o bilhete e o leu. Como aquela senhora não podia ter filhos, devido a um acidente que a impossibilitou desse prazer, resolveu ficar com a menina e criá-la.
Nas mãos da criança a senhora viu uma Juaninha ¬– aquele inseto bem pequeno e que dizem ser um inseto da sorte. E por isso resolveu batizá-la de Joana.
Os anos se passaram e Juaninha foi crescendo. Na escola ela era uma excelente aluna e todos gostavam dela. Quando completou dez anos a menina resolveu entrar na aula de guitarra – a facilidade de aprendizagem da menina era de se espantar. Continuou estudando guitarra, se formou e quando completou dezoito anos, sua mãe de criação resolveu contar toda a verdade para a menina.
– Joana, vamos conversar.
– Mas, mãe!... Tem que ser agora?
– Tem sim, minha filha. Ligue para um de seus amigos e fale que você não irá sair hoje.
Juaninha fez o que a mãe lhe havia pedido.
– Pronto, mãe. O que a senhora quer falar comigo de tão sério assim?
– Bem, é uma história muito longa, mas vou resumi-la para você. Dezoito anos atrás, uma senhora deixou uma cesta com uma criança em minha porta.
Diante destas palavras, Juaninha arregalou o olho, mas permaneceu calada.
E a mãe continuou:
– Esta criança era você.
– Mas então quem é minha mãe e quem é meu Pai.
– Bem, sua mãe é uma mulher da vida, ou seja, uma prostituta, e por isso a deixou aqui para eu poder criá-la, pois ela não deveria ter condições de para isso. Seu pai eu não sei quem é, pois na carta que sua mãe deixou, nada havia a esse respeito.
Juaninha, então, saiu correndo, subiu as escadas e se trancou no quarto.
Sua mãe foi atrás.
– Abra a porta, minha filha, abra a porta.
– Eu não quero falar com ninguém agora. Deixe-me sozinha.
A pobre senhora ficou triste, e foi para o seu quarto. No outro dia, ao amanhecer, ela foi até o quarto de Juaninha. E lá encontrou as roupas jogadas no chão. Sentiu falta da guitarra e em cima da cama achou um bilhete: “Mãe, obrigada por ter me dito toda a verdade. Vou sumir por um bom tempo. Obs.: Não me procure. Beijos da filha que a ama.
Juaninha havia saído de casa bem cedo e pegado carona, na estrada, com um caminhão. Foi parar em Barra Mansa. Naquela cidade, a primeira pessoa que ela conheceu foi Juba, que ao saber de sua história a convidou para almoçar em sua casa.
Juba apresentou Juaninha a seu pai e contou para ele a história de sua nova amiga. Diante do que ouvira, o pai de Juba então convidou a jovem para morar com eles. Juaninha aceitou o convite.
Desde aquele dia as duas jovens ficaram superamigas. Com isso Juaninha passou a andar com a turma de Juba. Logo se apaixonou por Bira que tocava bateria. Dias depois, eles começaram a namorar. O assunto dos dois era sempre música e eles estavam pensando em formar um grupo de Rock. Chamaram Júlio que cantava bem, Guila que tocava baixo, Nando que tocava órgão e Filhão, saques. Júlio resolveu botar o nome do conjunto de “Boca Atentada”.
O primeiro show foi no Clube Municipal. O show foi um sucesso total. Todos gostaram e, por isso, vários convites foram enviados para o conjunto. Dentre todos os convites, o melhor foi o de tocar no Rio de Janeiro na Festa da Primavera.
Depois de estudar muito bem o convite, o grupo resolveu aceitar. Logo em seguida começaram a treinar mais para aperfeiçoar as músicas. Os dias foram se passando e, finalmente, o grande dia chegou.
O grupo foi bem cedo para o Rio, para a afinação dos aparelhos e os últimos toques. Chegou a grande hora. O conjunto entrou e fez o seu papel. O show foi um sucesso.
No camarim, logo após o espetáculo, o grupo recebeu uma proposta para tocar em um festival de Rock em São Paulo. Todos ficaram animados e foram para o ônibus.
Por um descuido do motorista, houve um acidente. Logo chegou o socorro, levando os componentes da banda para um hospital. Em lá chegando, Bira faleceu. Juaninha, revoltada com o acontecido, resolveu ir embora dali mesmo sem falar com ninguém. A garota andou por muito tempo, e ao chegar em um lugarejo conheceu um rapaz chamado Kayal, a levou para comer algo e conversar com ela.
– O que está havendo com você?
– Não me pergunte nada.
– Mas deve ter alguém preocupado com você...
– Eu sou sozinha no mundo.
– Não se desespere, garota. Eu também sou só. Você pelo menos teve alguém na vida. Eu não e sou feliz. “Sofremos muito, eu sei... Só nós sabemos as lutas invencíveis que travamos, de nossas próprias cinzas renascemos”! Lembre-se sempre destas palavras, pois poderá mudar o seu caminho.
A jovem se levantou e foi embora. Com aquelas palavras em sua cabeça, resolveu voltar para a casa de sua mãe de criação.
Ao ver a filha, a senhora a abraçou bem forte e disse:
– Minha filha, você voltou!?
Esta é a história de Juaninha, uma jovem que teve o sabor das coisas boas e ruins por um longo tempo.
Eu, seu amigo misterioso, disse a ela antes de morrer:
“Teu barco parou em calmaria
se pensas que tua mãe sorria,
erraste, sofria.
Nesse mar em que ousaste navegar,
aprendeu a amar e sonhar,
Mas quando acordou
já era tarde, pois sua vida
se acabou”.

Este conto foi escrito por mim e está no meu livro Virtual: http://www.ebooks.avbl.com.br/biblioteca1/lv1/avidaemcontos/informacoes.htm